Interprete os principais resultados para Mapa de calor

Siga os passos a seguir para interpretar um mapa de calor.

Passo 1: Procure por valores extremos

Procure retângulos que se sobressaiam de valores em outras categorias. Isso pode ajudá-lo a determinar qual seção transversal das categorias tem os valores mais altos da função escolhida, quais têm as mais baixas ou ambas.

Neste exemplo, o número de infecções foi o mais alto na população idosa da região Nordeste em abril. Um epidemiologista quer determinar quais fatores levaram a um número tão alto de casos naquela região durante esse período para poder usar essas informações a fim de limitar a disseminação em outras regiões.

Passo 2: Procure por padrões em seus dados

Dependendo do tipo de dados que você tem para suas variáveis de linha e variáveis de coluna, você pode ver padrões nos dados. Por exemplo, um mapa de calor pode mostrar como uma variável muda à medida que aumenta a idade da pessoa.

Neste exemplo, as infecções na região Sul aumentaram na população mais jovem a cada mês, de março a junho. Junho e julho apresentaram um aumento na região Sul para a população idosa. Um epidemiologista decide que o aumento das taxas da população mais jovem pode ter levado a um aumento de casos na população idosa.

Na região Oeste, os casos na população mais jovem aumentaram em junho e julho de maneira semelhante aos meses anteriores na região Sul. O epidemiologista recomenda que sejam tomadas medidas para garantir que isso não leve a um aumento semelhante de casos entre a população idosa da região Oeste.

Ao usar esse site, você concorda com a utilização de cookies para análises e conteúdo personalizado.  Leia nossa política