Exemplo de Estudo de linearidade e vício de medição

Um engenheiro quer avaliar a linearidade e o vício de um sistema de medição usado para medir os diâmetros internos de rolamentos. O engenheiro escolhe cinco peças que representam o intervalo esperado de medições. Cada peça foi medida por inspeção de layout para determinar sua medição mestra e depois um operador mediu aleatoriamente cada peça 12 vezes. O engenheiro havia um estudo de medição R&R cruzado anteriormente, usando o método ANOVA e determinou que a variação total do estudo é 16,5368.

  1. Abra os dados das amostras, DiâmetroDoRolamento.MTW.
  2. Selecione Estat > Ferramentas da Qualidade > Estudos de Medição > Estudo de Linearidade e Vício de Medição.
  3. Em Números de peça, insira Peça.
  4. Em Valores de referência, insira Mestre.
  5. Em Dados da medição, insira Resposta.
  6. Em Variação do processo, insira 16,5368.
  7. Clique em OK.

Interpretar os resultados

A % de linearidade é 100 ∗ o valor absoluto da inclinação. Não é o caso claro neste estudo, indicando que o sistema de medição está viciado.

Como a linearidade é significativa, o engenheiro deve usar os valores de vício individuais e não o valor de vício médio global. Os valores de vício individuais variam de 0,2 a 3,7, e os seus valores de p variam de 0,000 a 0,688. Os valores de referência 2, 8, e 10 têm vício. Os valores 4 e 6 não têm vício.

Ao usar esse site, você concorda com a utilização de cookies para análises e conteúdo personalizado.  Leia nossa política