Função de risco – análise não paramétrica – método de estimativa atuarial para Gráfico de visão geral de distribuição (censura à direita)

A função de risco proporciona uma medida de probabilidade de falha como uma função de quantidade tempo em que uma unidade tenha durado. O gráfico de risco não paramétrico ajuda a determinar qual distribuição pode ser apropriada para modelar esses dados se você decidir continuar com métodos de estimativa paramétricos.

Quando não for selecionada uma distribuição (quando você optar por realizar uma análise não paramétrica), o gráfico de riscos é uma função de etapas com etapas nos pontos médios de cada intervalo. Este exemplo mostra a função de sobrevivência que é calculada com o método de estimativa atuarial.

Quando você mantém o ponteiro do mouse sobre cada etapa, o Minitab exibe a taxa de riscos e o tempo de falha.

Saída do exemplo

Interpretação

Para os dados dos enrolamentos do motor, é mostrada uma função de risco para cada variável de temperatura no gráfico de risco. Neste gráfico de risco, a taxa de risco para ambas as variáveis aumenta no início do período, atingindo um pico no intervalo de 50 a 75 horas. Em aproximadamente 38 horas, a probabilidade de falha é um pouco menor do que 0,01 (1%) a uma temperatura de 80 °C e 0,03 (3%) a uma temperatura de 100 °C.

Ao usar esse site, você concorda com a utilização de cookies para análises e conteúdo personalizado.  Leia nossa política