# (Símbolo de comentário)

Usado para adicionar comentários a uma macro ou exec do Minitab sem interferir com os comandos em si. Ao executar os comandos, o Minitab ignora tudo deste o símbolo de comentário (#) até o final da linha.

Na macro de exemplo a seguir, os comentários foram adicionados para explicar o que cada linha da linguagem de comando vai fazer:

        GMACRO #Inicia a macro global
Random #Nomeia a macro
        rand 10 C1. #Adiciona 10 linhas de dados aleatórios até C1
        ENDMACRO #Encerra a macro

Adicionar comentários pode facilitar a utilização e edição de suas macros e arquivos exec por outras pessoas.

& (símbolo de continuação)

Usado quando chamar comandos da janela Session para mostrar que o comando continua na linha seguinte. Este símbolo é usado para quebrar comandos longos em segmentos que podem ser ajustados na linha de comando e são mais fáceis de ler.

No exemplo a seguir, a linguagem de comando é usada para criar um polígono complexo. Em vez de criar uma linha única, o símbolo de continuação foi usado para torná-lo mais administrável.

Altura do gráfico * Peso;
Polígono 114.911 70.4736 134.524 71.8742 & 
147.784 74.7336 167.398 75.5506 & 
171.818 74.2668 185.078 75.7257 & 
195.852 75.7257 195.576 73.5081 & 
203.587 72.3994 219.057 72.7495 & 
218.781 71.4657 201.101 71.2906 & 
186.183 70.8821 178.172 70.0068 & 
178.448 68.5479 167.398 67.9643 & 
131.486 63.2959 144.469 61.0783 & 
140.049 60.4948 125.132 61.8953 & 
117.121 61.6035 104.966 60.9616 & 
103.584 62.4789 92.258 62.6539 & 
92.258 63.5293 112.701 66.0969 & 
106.071 68.1978.

Se você digitar o símbolo & no final de uma linha na janela Session, o Minitab exibe o prompt CONT> na linha seguinte para indicar uma continuação da linha anterior.

Quando inserir os dados usando o comando READ, o que eu posso usar para separar as entradas que não seja um espaço?

Quando usar READ, você pode usar um espaço ou uma vírgula para separar entradas de dados. Por exemplo:

READ C1 C2 
1 2 
3,4
END.

Qual é a sintaxe de macro para os comandos KKCAT, KKNAME e KKSET?

KKCAT concatena ou combina o texto na primeira constante K com o texto na segunda constante K e armazena a cadeia de texto combinada na terceira constante K. Por exemplo, se a constante K1 contiver "Teste de" e a constante K2 contiver "Normalidade" e você desejar armazenar "Teste de Normalidade" na constante K3, use a sintaxe a seguir:
KKCAT K1 K2 K3

KKNAME armazena o nome da coluna C na constante K. Por exemplo, se você deseja armazenar o nome da coluna C1 na constante K4, use a sintaxe a seguir:

KKNAME K4 C1

KKSET armazena o teste dentro de aspas duplas na constante K. Por exemplo, se você desejar armazenar a palavra Minitab na constante K5, use a seguinte sintaxe:

KKSET K5 "Minitab"

Existe algum comando que libera uma worksheet de dentro de uma macro global ou de um exec?

Sim, você pode usar o comando WORKSHEET com o subcomando CLOSE. Suponha que você queira fechar uma worksheet com o nome "Worksheet 1". Utilize os comandos a seguir:

WORKSHEET "Worksheet 1";
CLOSE.

Se você não deseja que o usuário seja solicitado a salvar a worksheet que está sendo liberada, também pode adicionar o subcomando NOPROMPT:

WORKSHEET "Worksheet 1";
CLOSE;
NOPROMPT.

Ao gravar macros globais e locais, que comando é necessário para transferir o controle de volta para o Minitab interativo?

Em um exec, EXIT encerra o Minitab. Em uma macro global ou local, o comando EXIT transfere o controle de volta para o Minitab interativo.

Observação

Em um exec, EXIT encerra o Minitab.

Como eu posso armazenar o tipo de dados (texto, números reais ou inteiros, valores de data/hora ou nenhum dado) de uma coluna ou constante?

Use o comando DTYPE para armazenar o tipo de dados como constantes. Por exemplo, suponha que você deseje que o tipo de dados de C1 seja armazenado em K1.

  1. Selecione Editar > Editor da linha de comando.
  2. Digite: DTYPE C1 K1.
  3. Clique em Enviar Comandos.
    K1 será igual a 0 se C1 contiver, 1 se contiver números reais, 2 se contiver inteiros, 3 se contiver valores de data/hora, e 10 se estiver vazio.
    Observação

    Se a coluna contiver inteiros, números reais ou valores de data/hora, mas estiver formatada como texto (ou seja, o número da coluna aparece com um -T), K1 será igual a 0.

Se eu quiser usar uma variável com sufixo em uma macro, precisarei incluí-la no modelo?

Se a variável com sufixo tiver um intervalo determinado, você não precisará incluí-la no modelo. Por exemplo, você pode declarar as colunas b.1-b.10 e não incluí-las no modelo.

MACRO
SAMPLE a
MCOLUMN a b.1-b.10

Se a variável com sufixo tiver um intervalo indeterminado, ela ou o sufixo deverão estar definidos no modelo. Por exemplo, se n for uma constante, você pode incluir toda a variável com sufixo ou o sufixo no modelo.

MACRO 
SAMPLE a b.1-b.n 
MCOLUMN a b.1-b.n 

OU

MACRO 
SAMPLE a b n 
MCOLUMN a b c.1-c.n

Você pode usar um subcomando opcional de forma que a variável com sufixo com um intervalo indeterminado esteja no modelo, mas que o usuário não precise inclui-la quando chamar a macro. Por exemplo,

MACRO 
SAMPLE a b; 
OBS n. 
MCONSTANT a b n 
DEFAULT n = 600 
LET n = a * b

Como eu posso localizar a primeira coluna disponível (vazia, em branco) na worksheet utilizando uma macro?

Suponha que você esteja criando uma macro global e queira nomear a primeira coluna disponível na worksheet como "EMPTY". Aqui estão os comandos em uma macro global denominada FINDNEXT.

GMACRO 
FINDNEXT 
DO K101 = 1:1000 
 DTYPE CK101 K102 
 IF K102 = 10 
  NAME CK101 "EMPTY" 
 EXIT 
 ENDIF 
ENDDO 
ENDMACRO
Observação

Esta macro assume que você não tem mais do que 1000 colunas e que as constantes K101, K102 e K103 estão vazias.

Observação

Para obter mais informações sobre o comando da janela Session DTYPE, selecione Ajuda > Ajuda > Comandos da Janela Session. Clique em Lista Alfabética de Comandos. Clique em DTYPE.

Em uma macro, como eu nomeio uma coluna com o valor de uma constante?

Você pode usar o comando NAME. Por exemplo, para nomear a coluna C1 com o valor de K1:

NAME C1 K1
Ao usar esse site, você concorda com a utilização de cookies para análises e conteúdo personalizado.  Leia nossa política