Teste de normalidade de Kolmogorov-Smirnov de duas amostras das distribuições subjacentes

Esta macro realiza a um teste de normalidade de Kolmogorov-Smirnov de 2 amostras das distribuições subjacentes. A hipótese nula é de que as distribuições sejam iguais. As duas amostras devem ser armazenadas em colunas separadas da worksheet ativa.

Download da macro

Certifique-se de que o Minitab sabe onde encontrar a macro baixada. Selecione Ferramentas > Opções > Geral. Em Local da macro navegue até o local em que você salva os arquivos de macro.

Importante

Se você usar um navegador mais antigo, quando clicar no botão Download, o arquivo pode abrir no Quicktime, que compartilha a extensão de arquivo .mac com macros do Minitab. Para salvar a macro, clique com o botão direito do mouse no botão Download e selecione Salvar arquivo como.

Entradas obrigatórias

  • Duas colunas de amostras numéricas. Tamanhos amostrais de pelo menos 6 são necessários. Como a macro usa um valor crítico aproximado, são recomendados tamanhos amostrais maiores do que 12.
    Observação

    Para tamanhos amostrais grandes, a macro vai demorar mais tempo para ser concluída. Para duas amostras de tamanho 100, o macro necessitou de aproximadamente 4 segundos em um PC com um processador de 2,4 GHz e 3 GB de memória RAM. Duas amostras de tamanho 1.000 necessitaram de aproximadamente 35 segundos.

Entradas opcionais

ALPHA K
Use para especificar um nível de significância diferente do padrão de 0,05.

Execução da macro

Suponha que as amostras sejam armazenadas nas colunas C1 e C2 e que você pretende realizar o teste em alfa = 0,01. Para executar a macro, selecione Editar > Editor de Linha de Comando e digite:

%KSTWO C1 C2;
ALPHA 0.01.

Clique em Enviar Comandos.

Ao usar esse site, você concorda com a utilização de cookies para análises e conteúdo personalizado.  Leia nossa política