Tebela Método para Teste de equivalência de 2 amostra

Encontre definições e orientações de interpretação para os valores fornecidos na tabela Método com o teste de equivalência para 2 amostras.

Média do teste

A equação da média de teste identifica a coluna de dados ou o identificador de grupo para a amostra de teste.

A amostra de teste é muitas vezes extraída a partir de um produto ou processo novo ou não comprovada. Por exemplo, a amostra de teste em um estudo farmacêutica pode ser um novo medicamento genérico que você espera provar ser tão eficaz como a marca principal (referência) do medicamento.

Média de referência

A equação da média de referência identifica a coluna de dados ou o identificador de grupo para a amostra de referência.

A amostra de referência é muitas vezes de um produto ou processo comprovado. Por exemplo, a amostra de referência num estudo farmacêutica pode ser um medicamento que já foi comprovou produzir o efeito desejado.

Observação

Se você definir seus limites de equivalência como um produto da média de referência usando a opção de Média de multiplicação por referência, a tabela Método também inclui os cálculos utilizados para determinar os limites de equivalência inferior e superior para o teste.

Variâncias iguais

O Minitab indica se a análise é realizada supondo-se que a variância da população de teste e a variância da população de referência sejam iguais. É possível escolher supor variâncias iguais quando você realizar o teste.

Para obter mais informações, acesse Selecione as opções de análise para Teste de equivalência de 2 amostra.

Ao usar esse site, você concorda com a utilização de cookies para análises e conteúdo personalizado.  Leia nossa política