Um teste t é um teste de hipótese da média de uma ou duas populações distribuídas normalmente. Existem diversos tipos de testes t para diferentes situações, mas todos usam uma estatística de teste que segue uma distribuição t sob a hipótese nula:
Teste Propósito Exemplo
Teste t para 1 amostra Testa se a média de uma única população é igual a um valor alvo A altura média das estudantes universitárias é maior que 1,65 m?
Teste t para 2 amostras Testa se a diferença entre as médias de duas populações independentes é igual a um valor alvo A altura média das estudantes universitárias é significativamente diferente da altura média dos estudantes universitários?
Teste t pareado Testa se a média das diferenças entre observações independentes ou pareadas é igual a um valor alvo Se você mede a altura de estudantes universitários do sexo masculino antes e depois que cada sujeito toma uma pílula para perder peso, a perda de peso média é suficientemente significante para concluir que a pílula funciona?
Teste t na saída da regressão Testa se os valores dos coeficientes na equação de regressão diferem significativamente de zero As notas no vestibular constituem preditores significantes das notas na universidade?

Uma propriedade importante do teste t é a sua robustez contra pressupostos de normalidade da população. Em outras palavras, com amostras grandes, os testes t são muitas vezes válidos mesmo quando o pressuposto de normalidade é violada. Esta propriedade os torna um dos procedimentos mais úteis para fazer inferências sobre médias da população.

No entanto, com um tamanho amostral pequeno e não-normal e distribuições altamente assimétricas, talvez fosse mais apropriado utilizar testes não-paramétricos.

Ao usar esse site, você concorda com a utilização de cookies para análises e conteúdo personalizado.  Leia nossa política