Interpretar os principais resultados para Gráfico dos Ensaios das Medições

Conclua as etapas a seguir para interpretar um gráfico de ensaios de medição.

Etapa 1: Avaliar a variação entre as peças

Use um gráfico dos ensaios de medição para avaliar a variação dos valores medidos para cada peça medida. O gráfico de ensaio de medição ajuda a ver quanta variabilidade de medição é devida aos operadores ou peças.

Este gráfico dos ensaios de medição mostra as medições de 6 partes que são selecionadas a partir de um processo de fabricação. As peças representam a variação normal do processo. Três operadores medem cada peça com o mesmo medidor 3 vezes em uma ordem aleatória.

A variação peça a peça é bastante perceptível neste gráfico — A peça 2 e a peça 6 têm medidas mais altas do que a peça 1 e a peça 5.

Passo 2: Avaliar a variação entre as medições de cada operador

Para cada peça, é possível comparar a variação entre as medições realizadas por cada operador e as diferenças nas medições entre os operadores. Também é possível observar as medições em relação à linha de referência horizontal. Por padrão, a linha de referência é a média de todas as observações.

Este gráfico de ensaios de medição mostra que as medições do operador não apresentam boa repetibilidade. Cada operador mede cada peça 3 vezes (3 ensaios). Quando o mesmo operador mede a mesma peça, as diferenças entre as medições são grandes. As oscilações podem indicar que os operadores ajustam a forma como eles medem entre as medições.

Este gráfico de ensaios de medição mostra que os operadores medem de forma mais consistente para cada peça, mas as diferenças nas medições entre os operadores para a mesma peça são grandes.

Ao usar esse site, você concorda com a utilização de cookies para análises e conteúdo personalizado.  Leia nossa política