Interpretar os principais resultados para Estudo de medição R&R cruzado

Conclua as etapas a seguir para interpretar um estudo de medição R&R cruzado. A saída principal inclui estimativas de variabilidade e gráficos das medições e variabilidade de medição.

Etapa 1: Use a tabela ANOVA para identificar fatores significativos e interações

Use a tabela de ANOVA para identificar quais as fontes de variabilidade são significativas. A tabela ANOVA inclui os seguintes termos na coluna Fonte:
  • Peça: a variação que ocorre a partir das peças.
  • Operador: a variação de que ocorre a partir dos operadores.
  • Operador*Peça: a variação de que é proveniente da interação com o operador e a peça. Existe uma interação quando um operador mede diferentes peças de modo diferente.
  • Erro ou repetibilidade: a variação que não é explicada pela peça, operador, ou interação operador e peça.
Observação

Se você selecionar a opção Xbarra e R para Método de Análise, o Minitab não exibe a tabela de ANOVA.

Se o valor de p para a interação do operador e peça for 0,05 ou superior, o Minitab elimina a interação porque não é significativo e gera uma segunda tabela ANOVA sem a interação.

Tabela ANOVA com Dois Fatores com Interação Fonte GL SQ QM F P Peça 9 88,3619 9,81799 492,291 0,000 Operador 2 3,1673 1,58363 79,406 0,000 Peça * Operador 18 0,3590 0,01994 0,434 0,974 Repetibilidade 60 2,7589 0,04598 Total 89 94,6471 α para remover termo de interação = 0,05
Tabela ANOVA com Dois Fatores sem Interação Fonte GL SQ QM F P Peça 9 88,3619 9,81799 245,614 0,000 Operador 2 3,1673 1,58363 39,617 0,000 Repetibilidade 78 3,1179 0,03997 Total 89 94,6471
Componentes de Variância %Contribuição Fonte CompVar (de CompVar) Total de R&R da Medição 0,09143 7,76 Repetibilidade 0,03997 3,39 Reprodutibilidade 0,05146 4,37 Operador 0,05146 4,37 Peça a Peça 1,08645 92,24 Variação Total 1,17788 100,00
Resultados principais: P

Nestes resultados, o valor de p é 0,974, de modo que o Minitab gera uma segunda tabela ANOVA para dois fatores que omite a interação do modelo final.

Etapa 2: Avaliar a variação para cada fonte de erros de medição

Use os componentes de variância (VarComp) e %Contribution para avaliar a variação de cada fonte de erros de medição. As fontes são como a seguir:
  • Medição R&R total: a soma dos componentes de variância de repetibilidade e reprodutibilidade.
  • Repetibilidade: a variabilidade nas medições quando o mesmo operador mede a mesma peça várias vezes.
  • Reprodutibilidade: a variabilidade nas medições quando diferentes operadores medem a mesma peça.
  • Peça a peça: a variabilidade nas medições devida às diferentes peças.

De maneira ideal, muito pouco da variabilidade deve ser devida à repetibilidade e reprodutibilidade. As diferenças entre as peças (peça a peça) deve responder pela maior parte da variabilidade.

Componentes de Variância %Contribuição Fonte CompVar (de CompVar) Total de R&R da Medição 0,0020816 6,82 Repetibilidade 0,0011541 3,78 Reprodutibilidade 0,0009275 3,04 Peça a Peça 0,0284585 93,18 Variação Total 0,0305401 100,00
Resultados principais: VarComp, %Contribution

A %Contribution para variação peça a peça é 93,68%. O Minitab divide o valor do componente da variância peça a peça, 0,0308455, pela variação total, 0,0329271, e multiplica por 100%. Quando o %Contribution da variação peça a peça é alto, o sistema de medição pode distinguir de forma confiável entre as peças.

Avaliação das Medições Var do %Var do Estudo Estudo % de Tolerância Fonte DesvPad (DP) (6 × DP) (%VE) (VE/Toler) Total de R&R da Medição 0,045625 0,27375 26,11 27,37 Repetibilidade 0,033972 0,20383 19,44 20,38 Reprodutibilidade 0,030455 0,18273 17,43 18,27 Peça a Peça 0,168696 1,01218 96,53 101,22 Variação Total 0,174757 1,04854 100,00 104,85 O desvio padrão histórico é usado para calcular alguns valores para StdDev, Study Var e %Study Var. Valores para %Process não são exibidos porque são idênticos a valores para %Study Var.
Principais resultados: %Study Var

Use a variação do estudo percentual (%Study Var) para comparar a variação sistema de medição com a variação total. O %Study Var utiliza a variação do processo, como definido por 6 vezes o desvio padrão do processo. O Minitab exibe a coluna %Tolerance ao inserir um valor de tolerância, e o Minitab exibe a coluna %Process ao inserir em um desvio padrão histórico.

De acordo com as diretrizes do AIAG, se a variação do sistema de medição for menor do que 10% da variação do processo, ele é aceitável. Uma vez que %Study Var, %Tolerance, e %Process são superiores a 10%, o sistema de medição pode precisar de melhoria. Para obter mais informações, acesse O meu sistema de medição é aceitável?.

Resultado principal: Gráfico dos componentes da variação

Os componentes do gráfico de variação mostram a variação a partir das fontes de erro de medição. O Minitab exibe barras para %Tolerance ao inserir um valor de tolerância, e o Minitab exibe as barras para %Process ao inserir um desvio padrão histórico.

Este gráfico mostra que a variabilidade peça a peça é maior do que a variabilidade de repetibilidade e reprodutibilidade, mas a variação total da medição R&R é maior do que 10% e pode ser inaceitável.

Etapa 3: Examine os gráficos para obter mais informações sobre o estudo de medição

Os gráficos de medição de R&R fornecem informações sobre o sistema de medição.
Gráfico dos componentes da variação
Mostra se o maior componente de variação é variação é peça a peça.
Em um sistema de medição aceitável, o maior componente de variação é variação peça a peça.
Carta R por operador
Mostra se algum ponto fica acima do limite de controle superior.
Se houver consistência na medição dos operadores, os pontos estarão dentro dos limites de controle.
Carta Xbarra por operador
Mostra se a maioria dos pontos ficam além dos limites de controle.
As peças selecionadas para um estudo de medição R&R devem representar a variabilidade peça a peça típica. Portanto, você deve esperar mais variação entre as médias da peça, e o gráfico deve mostrar que a maioria dos pontos caem além dos limites de controle.
Gráfico de medições por peça
Mostra se várias medições para cada peça estão juntas.
Várias medições para cada peça que estão juntas indicam pequena variação entre as medidas da mesma peça.
Gráfico de medições por operador
Mostra se diferenças entre operadores são pequenas comparadas com as diferenças entre as peças.
A linha horizontal que atravessa os operadores indica que as medições médias para cada operador são semelhantes. De maneira ideal, as medições para cada operador variam em igual quantidade.
O gráfico de interação operador*peça
Mostra se as linhas que conectam as medições a partir de cada operador são semelhantes ou se as linhas se cruzam entre si.
As linhas que são coincidentes indicam que os operadores medem de forma semelhante. Linhas que não são paralelas ou que se cruzam indicam que a capacidade de um operador medir uma peça consistentemente depende de qual peça está sendo medida. Uma linha que esteja constantemente mais alta ou mais baixa do que as outras indica que um operador adiciona vício à medição ao fazer consistentemente medições altas ou baixas.
Ao usar esse site, você concorda com a utilização de cookies para análises e conteúdo personalizado.  Leia nossa política