O que é tolerância do processo?

A tolerância do processo é um valor que define o padrão pelo qual a capacidade do seu processo é determinada. Ela é definida como um múltiplo de um desvio padrão do processo (sigma). Normalmente, 6*sigma é usado como uma tolerância.

Alguns processos requerem uma tolerância maior e mais rigorosa do que os outros. Por exemplo, a segurança dos passageiros depende dos componentes de um avião. Portanto, o processo que produz estas peças devem ter uma alta tolerância. Mas se o seu processo não afeta a segurança de pessoas e recursos, uma tolerância menor é admissível. Por exemplo, o gerente de uma empresa que produz alimentos para animais pode definir uma tolerância leniente com o comprimento de pelotas de alimentos, porque não existem sérias consequências se elas forem deformadas e, manter as dimensões da alimentação dos animais na mesma tolerância que peças de avião, desperdiçará recursos da empresa.

O Minitab utiliza a tolerância para calcular índices de capacidade, como o índice de Cp, que compara a tolerância à dispersão da especificação. Se o intervalo de tolerância for maior que a dispersão da especificação, seu processo precisa ser aprimorado.

Os limites do intervalo de tolerância são chamados limites de tolerância.

Ao usar esse site, você concorda com a utilização de cookies para análises e conteúdo personalizado.  Leia nossa política