Medidas de qualidade do ajuste – Estatísticas de Anderson-Darling (ajustadas) para Teste de vida acelerado

As estatísticas de Anderson-Darling (ajustadas) são medidas de qualidade do ajuste para gráficos de probabilidade selecionados. As estatísticas de Anderson-Darling (ajustadas) medem a área entre a linha ajustada (com base no modelo escolhido) e a função de passo não paramétrica (com base nos pontos do gráfico). Precisamente, as estatísticas de Anderson-Darling (ajustadas) representam uma distância ao quadrado que é ponderada mais pesadamente nas caudas da distribuição.

Em geral, valores de Anderson-Darling (ajustados) substancialmente menores indicam um ajuste melhor. No entanto, ao avaliar o ajuste do modelo, sempre considere os resultados visuais relacionados aos gráficos de probabilidade.

Saída do exemplo

Teste de Qualidade de Ajuste de Anderson-Darling (ajustado) A cada nível de aceleração Ajuste Modelo Nível Individual Ajustado 125 89,651 89,654 150 77,769 77,746 175 15,300 15,354 Resíduos Padronizados = 36,952 Resíduos Cox-Snell = 36,952

Interpretação

Para os dados dispositivos eletrônicos, os valores de Anderson-Darling (ajustados) são fornecidos para cada nível de aceleração para o modelo e para os resíduos padronizados e de Cox-Snell. Para avaliar melhor o ajuste do modelo, examine os gráficos de probabilidade.

Ao usar esse site, você concorda com a utilização de cookies para análises e conteúdo personalizado.  Leia nossa política