Tabelas Método para Ajustar modelo logístico binário

Encontre definições e orientações de interpretação para a tabela Método.

Codificação da preditora categórica

O Minitab pode usar o esquema de codificação (0, 1) ou (−1, 0, +1) para incluir variáveis categóricas no modelo. O esquema (0, 1) é o padrão para análise de regressão, enquanto o esquema (−1, 0, +1) é o padrão para ANOVA e DOE. A escolha entre estes dois esquemas não altera a significância estatística das variáveis categóricas. No entanto, o esquema de codificação realmente altera os coeficientes e a maneira de interpretá-los.

Interpretação

Verifique se o esquema de codificação que é exibido garante que você tenha realizado a análise pretendida. Interprete os coeficientes para as variáveis categóricas como a seguir:

  • Com o esquema de codificação (0, 1), cada coeficiente representa a diferença entre cada nível e o nível de referência. O coeficiente do nível de referência é 0.
  • Com o esquema da codificação (−1, 0, +1), cada coeficiente representa a diferença entre a média do nível e uma linha de base.

Padronização da preditora contínua

Se você optou por padronizar os preditores contínuos em seu modelo, o Minitab fornece detalhes sobre o método na tabela padronização preditor Contínuo.

Normalmente, você usa a padronização para centralizar variáveis, dimensionar variáveis ou ambas as coisas. Quando você centraliza as variáveis, reduz a multicolinearidade causada por termos polinomiais e termos de interação, o que melhora a precisão das estimativas dos coeficientes. Na maioria dos casos, quando você dimensionar as variáveis, o Minitab converte as diferentes escalas das variáveis para uma escala comum, o que permite comparar o tamanho dos coeficientes.

Interpretação

Use a tabela do método de padronização para garantir que você realizou a análise da forma desejada. Dependendo de sua escolha para o método, talvez seja necessário mudar a interpretação dos coeficientes da seguinte forma:

Especificar níveis inferior e superior para codificar como -1 e +1
Este método centraliza e pesa as variáveis. Cada coeficiente representa a mudança esperada na média da resposta transformada dado que a preditora muda em 1 unidade na escala codificada. Por exemplo, o coeficiente representa a mudança na média da resposta transformada quando a preditora muda de 0 para +1.
Subtrai a média e divide pelo desvio padrão
Este método centraliza e pesa as variáveis. Cada coeficiente representa a mudança esperada na média da resposta transformada dado que a variável preditora muda em 1 desvio padrão.
Subtrair a média
Este método centraliza as variáveis. Cada coeficiente representa a mudança esperada na média da resposta transformada dado que a preditora muda em 1.
Dividir pelo desvio padrão
Este método pesa as variáveis. Cada coeficiente representa a mudança esperada na média da resposta transformada dado que a variável preditora muda em 1 desvio padrão.
Subtrair um valor especificado e dividir por outro
Se este método centraliza ou pesa as variáveis depende dos valores que você especificar. Cada coeficiente representa a mudança esperada na média da resposta transformada dado que a variável preditora muda pelo divisor. Por exemplo, se você dividir por 4, o coeficiente representa um aumento de 4 na escala da medição original.

A interpretação exata dos coeficientes também depende de outros aspectos da análise como a função de ligação.

Informações da resposta

O Minitab exibe essas informações sobre a resposta:
Variável
Nome da variável resposta
Valor
Níveis da variável resposta
Contagem
Número de observações em cada nível da variável resposta
Total
Número de observações não faltantes

A saída também identifica que nível de resposta é o evento de referência.

Interpretação

Use as informações de resposta para examinar quantos dados há na análise. Amostras aleatórias maiores com diversas ocorrências de cada nível, normalmente fornecem inferências mais exatas sobre a população.

Além disso use as informações da resposta para determinar qual evento é o evento de referência. A interpretação das estatísticas como coeficientes e razões de chances dependem de qual evento é o evento de referência. Você pode mudar o evento de referência para a resposta na Caixa de diálogo Regressão logística nominal.

Ao usar esse site, você concorda com a utilização de cookies para análises e conteúdo personalizado.  Leia nossa política