Exibição ou alteração da estrutura de aliases em um experimento Taguchi

Exibição a estrutura de aliases

Se você tem um experimento L4, L8, L16 ou L32 de 2 níveis, pode usar Análise de Experimento Fatorial para exibir a estrutura de aliases.

Por exemplo, você cria um experimento de Taguchi L8 com três fatores de 2 níveis. Insira os fatores em C1, C2 e C3 e as respostas em C4 e C5. Para exibir a estrutura de aliases:
  1. Selecione Estat > DOE (Planejamento de Experimento) > Fatorial > Definição de um Experimento Fatorial Personalizado.
  2. Em Fatores, insira C1 C2 C3.
  3. Clique em Inferior/Superior. Clique em OK em cada caixa de diálogo.
  4. Selecione Estat > DOE (Planejamento de Experimento) > Fatorial > Análise de Experimento Fatorial.
  5. Em Respostas, insira C4. Clique em OK.

O Minitab exibe a estrutura de confundimento no final da janela Sessão. Você pode ignorar a outra saída.

Observação

Para analisar o experimento, é necessário redefini-lo como um experimento de Taguchi.

  1. Selecione Estat > DOE (Planejamento de Experimento) > Taguchi > Definição de Experimento Taguchi Personalizado.
  2. Em Fatores, insira C1-C3. Digite um fator de sinal, se desejar. Clique em OK.

Alteração da estrutura de aliases

Para alterar a estrutura de aliases ao criar um experimento de Taguchi:
  1. Selecione Estat > DOE (Planejamento de Experimento) > Taguchi > Criação de um Experimento Taguchi > Fatores.
  2. Insira as colunas da matriz à qual deseja atribuir os fatores.
Ao usar esse site, você concorda com a utilização de cookies para análises e conteúdo personalizado.  Leia nossa política