Teste de hipótese para 1 amostra

Use testes de hipóteses de 1 amostra para comparar uma amostra com um valor hipotético.

Para adicionar saída a partir de um teste de hipótese de 1 amostra, vá para Adicione e complete um formulário.

Teste para 1 proporção

Use para estimar uma proporção binomial da população e comparar a proporção a um valor alvo ou um valor de referência.

Por exemplo, você pode testar se uma nova configuração altera significativamente a proporção defeituosa. Para ver um exemplo, vá para Minitab Ajuda: Exemplo de teste para 1 proporção.

Considerações de dados

Os dados podem conter apenas duas categorias, tais como aprovação/reprovação e 1/0. Para obter detalhes, vá para Minitab Ajuda: Lista de verificação de dados para teste para 1 proporção

Teste t para 1 amostras

Use o teste t com 1 amostra para estimar a média de uma população e compará-la a um valor alvo ou de referência quando o desvio padrão da população não é conhecido.

Por exemplo, você pode testar se a saída média do processo aprimorado controlado é diferente da média pré-projeto. Para ver um exemplo, vá para Minitab Ajuda: Exemplo de teste t para 1 amostra.

Considerações de dados

Os dados devem ser contínuos e razoavelmente normais. Um teste t de 1 amostra é robusto para violações da suposição de normalidade, especialmente se o tamanho da amostra for grande (n > 25). Para obter mais detalhes, vá para Minitab Ajuda: Lista de verificação de dados para teste t para 1 amostra.

1 amostras Wilcoxon

Use para estimar a mediana da população e para compará-la com um valor-alvo ou um valor de referência. Este teste é uma alternativa ao teste t de 1 amostra e é usado quando os dados não são razoavelmente normais.

Por exemplo, você pode testar se a saída média do processo aprimorado controlado é diferente da média pré-projeto. Para ver um exemplo, vá para Minitab Ajuda: Exemplo do teste de Wilcoxon para 1 amostra.

Considerações de dados

Seus dados devem ser um valor contínuo para Y (saída). Os dados devem vir de uma distribuição simétrica, tal como distribuições uniforme ou Cauchy Se os dados não vem de uma distribuição simétrica, use . Para obter mais detalhes, vá para Minitab Ajuda: Lista de verificação dos dados do teste de Wilcoxon para 1 amostra.

Teste de 1 variância

Use para estimar a variância ou o desvio padrão da população e para comparar o valor a um valor-alvo ou um valor de referência.

Por exemplo, um analista da qualidade usa um teste de uma variância para determinar se a variância do teor de umidade em um carregamento de madeira não processada é muito alto. Para ver um exemplo, vá para Minitab Ajuda: Exemplo de 1 variância.

Considerações de dados

Seus dados devem ser valores contínuos de Y (saída). Para obter mais detalhes, vá para Minitab Ajuda: Considerações de dados para covariância.

Teste do sinal para 1 amostra

Use o teste de sinal com 1 amostra para estimar a mediana da população e compará-la a um valor alvo ou de referência. Este teste é uma alternativa ao teste t de 1 amostra e é usado quando os dados não são razoavelmente normais.

Por exemplo, você pode testar se a saída média do processo aprimorado controlado é diferente da média pré-projeto. Para ver um exemplo, vá para Minitab Ajuda: Exemplo de teste do sinal para 1 amostra.

Considerações de dados

Seus dados devem ser um valor contínuo para Y (saída). O teste de sinal de 1 amostra não é tão poderoso quanto outras alternativas.
  • Use o teste t de 1 amostra quando os dados estiverem razoavelmente normais (ou o tamanho da amostra é grande).
  • Use o teste de 1 amostra Wilcoxon como alternativa ao teste t de 1 amostra, desde que os dados sejam razoavelmente simétricos.
  • Use o teste de sinal para 1 amostra.
Para obter mais detalhes, vá para Minitab Ajuda: Lista de verificação dos dados do teste do sinal para 1 amostra.
Ao usar esse site, você concorda com a utilização de cookies para análises e conteúdo personalizado.  Leia nossa política